sexta-feira, 23 de abril de 2010

Eu te Amo em uma Carta de Amor (atrasada)

Hoje eu quero lhe dizer...
Quando acordei tive uma saudade imensa dos momentos que passei junto de você...lembrei das brincadeiras , das risadas , de cada coisa séria decidida e até das que não falamos.

Você tem um lugar especial em mim que só pertence a você...e se isso for de algum valor te asseguro que ninguém te roubará.

Essa carta não tem nenhuma razão especial de ser, mas ao mesmo tempo tem todas.

Sou uma pessoa que prefere não demonstrar medo, mas também não tenho vergonha de confessar que hoje eu senti.

Tive medo de o tempo passar depressa , de nunca mais nos vermos e eu ter esquecido de dizer , embora pensasse , o quanto você é importante na minha vida. Se algum dia te disse uma palavra ruim, fiz algo ruim , ou que você precisou de mim e eu não pude estar perto, me desculpe.

Se houve algum mal entendido que te fez sentir raiva de mim , procure saber a verdade , antes que seja tarde, cuidado com as palavras que ouviu a meu respeito que não chegaram a você pelos meus lábios.

Desculpe pelo meu ciúme muitas vezes mal disfarçado de indiferença...mas eu só queria te poupar das coisas ou pessoas ruins, pelo menos ao meu ver , ou então chamar um pouquinho mais sua atenção,porque neste momento senti a ameaça de perder sua companhia.

Parece muito mais fácil dizer que não se gosta de alguém do que assumir que se ama , pois então , hoje eu estou assumindo novamente e ouça minha voz gritando:

EU TE AMOOOO!

Ainda que você só possa imaginar o som da minha voz... enquanto eu esqueço a coragem que não tive para olhar nos teus olhos e dizer um milhão de vezes que eu te amo.

As coisas que meus lábios não disseram, minhas frases escritas falaram e ainda falam porém,os meus olhos dizem muito mais...olhe pra eles de perto e veja que a única coisa que move este meu corpo e que me faz querer estar viva todos os dias é a certeza de te encontrar mais uma vez .

Talvez essa não seja a melhor declaração de amor que alguém já fez , mas é com o maior amor do mundo que eu a escrevi pra você.







Um comentário:

Pensamentos da Mila disse...

Linda declaração Fernanda!
O amor não diminue ele evolui...
Bjs
Mila