domingo, 11 de maio de 2008

Abraço Quente!


Um passo...outro...outro...outro... E o ponto de partida fica cada vez mais distante, voltar é mais longe que seguir em frente.

Dizem que conforme vamos caminhando, os obstáculos ficam maiores para testar nossa resistência, e vejo agora que é realidade pura.

Com o adiantado do caminho, outros vão surgindo, uns mais longos, uns apenas atalhos traiçoeiros e algumas rotatórias que te levam ao mesmo lugar.

Há momentos em que se precisa optar. Não há como voltar, embora a vontade seja de retroceder.

Nesse momento estou procurando abrigo. Não me importa o tipo de instalação, não é necessário que tenha luxo nem criados. Apenas aconchego. Um cobertor e um travesseiro macio. Preciso repousar o corpo, a alma, a mente. Preciso organizar as idéias e descansar os pés. Talvez uma noite dure mais tempo que o esperado.

A caminhada ainda é longa. E está fazendo frio.

No lugar de partida sobrou uma vaga. Difícil deixar tudo para trás, mas é hora e só pode ser agora.

Apesar do quase inverno, ainda há grama verde e algumas flores. Ainda há um Sol tímido derretendo o gelo. A primavera vai voltar, o verão chegará sorrindo.

E ao amanhecer e caminhar adiante, serei abraçada pelos raios do Astro Rei e poderei então doar meu casaco.


2 comentários:

Renata Cordeiro disse...

Lindo blog, lindo nome... Lindo post.
Dá uma passada no meu blog:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
Não tem ponto depois de www
Abraços,
Renata Cordeiro

Thomaz Campos disse...

Cara fernanda..

Adorei a proposta e o conteudo do teu blog, vou visita-lo sempre, se quiser, d� uma passada no meu: www.bocamalditaparana.blogspot.com

Beijo Grande!!!