sábado, 23 de janeiro de 2010

A grandeza de SER

Eu sou o que sou e ainda não decifrei. Sou a mistura do que passou, do que acontece e do que ainda quero viver além do que nem imagino que virá.

Eu não sou apenas uma alma presa num corpo que um dia se desfará. Eu sou um ser além daquilo que caiba em meus pensamentos.

Minha mente pequena não é capaz de discernir a respeito da existência, dos reais propósitos nessa peregrinação que é a vida.

A vida é a maior atitude de fé já experimentada. Ela acontece à medida que nos despojamos dos apegos, dos egoísmos e das grades invisíveis.

Muitas vezes nos aprisionamos nas gaiolas dos medos, das inseguranças e não percebemos o cadeado aberto, esperando somente que empurremos a portinhola e alcemos vôo em busca de nossos ideais.

A vida nos convida a todo instante a experimentarmos a liberdade de escolhermos novos caminhos, novos amigos, novos talentos e novos amores.

Não temos o direito de ficarmos parados à espera de um trem que mudou o destino de chegada.

Precisamos evoluir com o mundo sem nos deixarmos dominar por ele.

O mundo toma a forma e o sentido de acordo com os olhos de quem vê. Se você quer ver o mal, só verá o mal. Ao contrário, se enxergar o bem, fará tanto bem que tudo e todos à sua volta se transformarão.

Temos sim muitas dúvidas que cerceiam nosso dia desde o amanhecer. O tempo ainda não chegou e já queremos a solução imediata do problema que sequer aconteceu.

Temos pressa, e muitas vezes desnecessária.

Vamos atrasar nosso relógio, desacelerar o passo, saborear a vida como um bom café passado em coador de pano.

Sorria mais, converse mais, abrace mais, ouça mais. Sente-se à mesa com aquelas pessoas com quem você convive, aqueles que muitas vezes compartilham conosco o mesmo teto e já há algum tempo se tornaram estranhos.

Não tenha medo de olhar nos olhos, de segurar as mãos, de abraçar, de repreender se preciso for. Amar não é somente dizer sim e sorrir. Amar é decisão para fortes, pois precisa de determinação para fazer cumprir todos os propósitos e isso não é tarefa fácil e só se destina àquele que realmente quer assumir todos os riscos.

Ninguém disse que a vida seria fácil. Ninguém prometeu que não haveria sofrimentos.

Tentar desvendar os mistérios de quem somos, nos coloca no caminho daqueles que nos ajudarão a montar esse quebra - cabeças e nos tornarão capazes de sermos muito melhores do que imaginamos um dia.
Permita-se viver integralmente sua vida, desenvolvendo por si próprio a plenitude do amor.

Acredite que todo e qualquer evento no seu dia-a-dia concorre para seu bem. Deus está conosco todo o tempo para nos segurar se houver algum vacilo. Confie.

Ninguém é tão grande que possa lhe tornar pequeno.

Se somos filhos Daquele que é o maior de todos os pais, Dele herdamos a grandeza e que ela se manifeste a todo o momento em nossas vidas, principalmente no coração.

“O Senhor é quem dirige os passos do homem: como poderá o homem compreender seu caminho?” (Pr 20,24)

Um comentário:

Juliana Paez disse...

Oi Fer...

Que lindo esse texto, que belas frases....nossa encantador!!

Amei passar por aqui!!

Bjokas da JU